Friday, 21 November 2008

"E Se........................?"

Totalmente "a desproposito" e extemporaneamente, breve referencia a este artigo de Luzia Moniz, publicado na edicao #292 de 22-29/11/2008 do Semanario Angolense:*



* [Por curiosidade, nao so', mas tambem, porque essa nao foi de facto "a primeira replica ao artigo matricial" - alias, e perdoe-se-me a "presuncao", tenho muitas razoes - mas especialmente o uso que nele fez do "sejamos claros" (que e' tambem como dizia, entre outros pre-datados, um certo alto espirita: "o problema que estamos com ele"...), que usei neste artigo, datado de 07/11/08, em relacao a questao central do "significado racial da vitoria de Obama" - para supor que o artigo de MC, publicado uma semana depois, nao tera' sido assim tao "matricial" quanto a primeira vista parecera', mas... como soi dizer-se, presuncao e agua benta cada um toma a que quer...), daquela mesma edicao decidi seleccionar um outro artigo que aqui entao postei - do que me viria a arrepender seriamente! E' que na altura ainda "nao sabia bem o que me esperava"!... E ja' agora: porque sera' que tambem nao 'reclamam' de o artigo da Luzia Moniz nao ter sido reproduzido na Africa 21?! ... Claramente Dois Pesos e Duas Medidas!!! Ai complexos, complexos... E se............. ?!]

"Comentario 1": Este blog nao so' nao e', nem se pretende, um "orgao de comunicacao social" formal ou "caixa de ressonancia" de tudo quanto e' publicado na imprensa lusofona ou de qualquer outro espaco linguistico ou geografico, como tambem nao e' patrocinado pelo Departamento de Estado Norte-Americano, estando a sua autora muito longe de ser representante da "comunidade internacional", ou porta-voz de Hillary Clinton ou de Assuncao dos Anjos [cujos governos se encontram actualmente engajados na estruturacao da sua "parceria estrategica" -- assunto que seria muito 'mais propositado', 'menos extemporaneo' e mais 'audaz' de ser tratado (e o que se segue nada tem a ver com a Luzia Moniz) por certas aspirantes a opinion makers nos orgaos de comunicacao social formal, mas que, quais elefantas numa loja de fina porcelana, nao conseguem passar de intriguistas irresponsaveis e copy-pasters e recyclers (para pior, excepto talvez no seu rebuscado e arcaico portugues de Camoes, o qual obviamente devem 'a sua "genuina portugalidade" ...), do (pouco!) que leem na diagonal nas introducoes e contracapas de livros alheios e das ideias, opinioes, informacoes, temas, debates, enfim, praticamente tudo que e' postado neste blog (excepto, obviamente, assuntos como "Viriato da Cruz e o PNCA", pois esses perigariam fatalmente os seus contratos de cooptacao actuais ou prospectivos com o poder!) - que aqui venhem, quais vultas famintas e piranhas mercenarias ensandecidas, todos os dias larapiar e rapinar a sorrelfa e a socapa!...] e, mais ainda, de se prestar a ser "comentarista" dos comentarios cobardemente nao assumidos ao que aqui e' publicado - excepto quando serias questoes eticas sao suscitadas por tais comentarios, nao apenas por isso, mas sobretudo por serem precisamente comentarios sistematicamente viciosos, insidiosos, dolosos, viperinos, traiçoeiros, raivosos, ofensivos, destrutivos, ameacadores, terroristas e, acima de tudo, remunerados (!) e nao provocados (!), em orgaos de comunicacao social formal!

"Comentario 2": Se ha' algum consolo de tudo isso, e' que pelo menos parecem estar a evoluir (ainda que apenas "a força", so' ate' ver e na maior parte so' para dizer disparates...): de cegueira partidaria para "independencia partidaria"... da intolerancia do convem sabermos sempre o que nos espera para "saudacoes especiais no dia internacional da tolerancia" e "o elogio do opinion maker"... do "intelectual revolucionario" ao "public intellectual", do poder popular e do 'voto nao secreto' para as "revolucoes tranquilas"... de Malcolm X, Marx e Said para Chomsky, Popper e Levi-Strauss... de etimologia para "epistemologia" e, pasme-se (!) ... de ideologia para "ciencia"!
Good, very good indeed!

Continuem a estagiar aqui, que um dia talvez cheguem la'... So' nao se esqueçam, mais uma vez, de creditar "a Sra. Professora" que, assim, aqui vai contribuindo incansavelmente para a "libertaçao das raparigas das amarras da discriminaçao a que sao votadas" !

Post Relacionado:

"E Se os Paises Africanos Fossem os EUA?"

(publicado aqui a 16/11/08 e referido aqui a 19/11/08).

Totalmente "a desproposito" e extemporaneamente, breve referencia a este artigo de Luzia Moniz, publicado na edicao #292 de 22-29/11/2008 do Semanario Angolense:*



* [Por curiosidade, nao so', mas tambem, porque essa nao foi de facto "a primeira replica ao artigo matricial" - alias, e perdoe-se-me a "presuncao", tenho muitas razoes - mas especialmente o uso que nele fez do "sejamos claros" (que e' tambem como dizia, entre outros pre-datados, um certo alto espirita: "o problema que estamos com ele"...), que usei neste artigo, datado de 07/11/08, em relacao a questao central do "significado racial da vitoria de Obama" - para supor que o artigo de MC, publicado uma semana depois, nao tera' sido assim tao "matricial" quanto a primeira vista parecera', mas... como soi dizer-se, presuncao e agua benta cada um toma a que quer...), daquela mesma edicao decidi seleccionar um outro artigo que aqui entao postei - do que me viria a arrepender seriamente! E' que na altura ainda "nao sabia bem o que me esperava"!... E ja' agora: porque sera' que tambem nao 'reclamam' de o artigo da Luzia Moniz nao ter sido reproduzido na Africa 21?! ... Claramente Dois Pesos e Duas Medidas!!! Ai complexos, complexos... E se............. ?!]

"Comentario 1": Este blog nao so' nao e', nem se pretende, um "orgao de comunicacao social" formal ou "caixa de ressonancia" de tudo quanto e' publicado na imprensa lusofona ou de qualquer outro espaco linguistico ou geografico, como tambem nao e' patrocinado pelo Departamento de Estado Norte-Americano, estando a sua autora muito longe de ser representante da "comunidade internacional", ou porta-voz de Hillary Clinton ou de Assuncao dos Anjos [cujos governos se encontram actualmente engajados na estruturacao da sua "parceria estrategica" -- assunto que seria muito 'mais propositado', 'menos extemporaneo' e mais 'audaz' de ser tratado (e o que se segue nada tem a ver com a Luzia Moniz) por certas aspirantes a opinion makers nos orgaos de comunicacao social formal, mas que, quais elefantas numa loja de fina porcelana, nao conseguem passar de intriguistas irresponsaveis e copy-pasters e recyclers (para pior, excepto talvez no seu rebuscado e arcaico portugues de Camoes, o qual obviamente devem 'a sua "genuina portugalidade" ...), do (pouco!) que leem na diagonal nas introducoes e contracapas de livros alheios e das ideias, opinioes, informacoes, temas, debates, enfim, praticamente tudo que e' postado neste blog (excepto, obviamente, assuntos como "Viriato da Cruz e o PNCA", pois esses perigariam fatalmente os seus contratos de cooptacao actuais ou prospectivos com o poder!) - que aqui venhem, quais vultas famintas e piranhas mercenarias ensandecidas, todos os dias larapiar e rapinar a sorrelfa e a socapa!...] e, mais ainda, de se prestar a ser "comentarista" dos comentarios cobardemente nao assumidos ao que aqui e' publicado - excepto quando serias questoes eticas sao suscitadas por tais comentarios, nao apenas por isso, mas sobretudo por serem precisamente comentarios sistematicamente viciosos, insidiosos, dolosos, viperinos, traiçoeiros, raivosos, ofensivos, destrutivos, ameacadores, terroristas e, acima de tudo, remunerados (!) e nao provocados (!), em orgaos de comunicacao social formal!

"Comentario 2": Se ha' algum consolo de tudo isso, e' que pelo menos parecem estar a evoluir (ainda que apenas "a força", so' ate' ver e na maior parte so' para dizer disparates...): de cegueira partidaria para "independencia partidaria"... da intolerancia do convem sabermos sempre o que nos espera para "saudacoes especiais no dia internacional da tolerancia" e "o elogio do opinion maker"... do "intelectual revolucionario" ao "public intellectual", do poder popular e do 'voto nao secreto' para as "revolucoes tranquilas"... de Malcolm X, Marx e Said para Chomsky, Popper e Levi-Strauss... de etimologia para "epistemologia" e, pasme-se (!) ... de ideologia para "ciencia"!
Good, very good indeed!

Continuem a estagiar aqui, que um dia talvez cheguem la'... So' nao se esqueçam, mais uma vez, de creditar "a Sra. Professora" que, assim, aqui vai contribuindo incansavelmente para a "libertaçao das raparigas das amarras da discriminaçao a que sao votadas" !

Post Relacionado:

"E Se os Paises Africanos Fossem os EUA?"

(publicado aqui a 16/11/08 e referido aqui a 19/11/08).

1 comment:

Koluki said...

Apenas para ilustrar o tipo de implicacoes eticas do comportamento e praticas acima descritos, aqui ha' uns tempos postei neste blog uma primeira pagina do SA com o seguinte texto:

Acabo de receber a edicao deste fim de semana do SA e foi com um grande choque que me deparei com a noticia ao fundo da sua primeira pagina…
Sei o quao delicadas este tipo de coisas sempre sao; sei como e’ facil difamar-se qualquer pessoa, particularmente quando as provas sao dificeis de se produzir, ou de se refutar; mas tambem sei que nao iria dormir descansada se nao o divulgasse aqui de imediato, quanto mais nao seja para dar uma oportunidade ao Helder de Sousa – que, embora nao conheca pessoalmente, tenho tido de algum tempo a esta parte como amigo deste blog e a quem por isso decidi dar o beneficio da duvida nesta ocasiao – de dizer de sua justica sobre o assunto, caso assim o decida.


Passadas algumas semanas, tendo sido contactada, por email, pelo visado sobre a questao, perante os seus protestos acabei, de moto proprio, por decidir retirar aquele post (que, no entanto, ainda pode ser encontrado aqui ).

Moral da estoria: o que quer que seja publicado num blog, e ate' o proprio blog, pode ser apagado. Ja' o mesmo nao se pode dizer da imprensa escrita...